Posts Tagged ‘ culinaria ’

O Outono está a chegar…

Depois de uns meses ausente, senti saudades apertadinhas do meu blog e resolvi voltar, desta vez com novos conteúdos e cheia de vigor!!! O outono aproxima-se e esta é uma estação que me deixa sempre inspirada, por isso, espero que gostem dos novos posts sobre beleza, cuidados com o corpo e culinária :)

Desejos de um Outono cheio de magia a todas *

{pasteis de nata}

Pasteis de Nata, versão La Tartine Gourmande. Béa esteve em Portugal e deliciou-se … terá ela ido a Belém?? Hummm … não me parece =)

Criatividade!!

Yvestown … encontrei este profile e fiquei encantada com tanta criatividade :) Ainda não o explorei por completo, mas aqui fica o link para que vejam todas as fotos de decoração e culinária que deixam água na boca.

 

{Nordljus}

Huummm … é capaz de ser dos melhores sites sobre cuisine de sempre!

Este fim-de-semana não foi lá muito produtivo (!!!) e honestamente não tenho sono nenhum, mesmo sendo 3h da madrugada e eu tendo que me levantar dentro de aproximadamente 5 horas … e então, lembrei-me do bom e velho amigo google, para procurar bolos de aniversário. A minha mãe faz anos dentro de 8 dias e essa será a minha prenda, pelo que tenho que encontrar um bolo absolutamente fascinante para ela. E então caí de paraquedas no Dessert First e estou cheia de fome! HUUUUUM!

e por falar em ervas …

Aqui vos deixo algumas dicas preciosas, que encontrei no site da Nestlé:

– Os coentros são muito utilizados para macerar caça e carne e para condimentar pratos de leguminosas, couves e cozidos.

– Os cominhos são indicados para condimentar assados, molhos espessos e outros pratos.

– Para conservar as ervas de folhas mais macias, como a salsa e o cerefólio, recorre-se geralmente à congelação.

Verá que se conservam por bastante tempo sem amolecer e sem perder o cheiro. Antes de congelar, ate pequenos ramos com um fio resistente e mergulhe-os em água a ferver, durante 1 minuto.

– Pode conservar ervas aromáticas frescas, cortando-as e mergulhando-as em pequenas quantidades de óleo. Depois coloque-as em cuvettes de gelo e ponha-as no congelador.

– Pode picar a salsa e conservá-la no frigorífico ou no congelador, pronta a usar. Para polvilhar, divida porções em pedaços de papel de alumínio, enrole, dobre e leve ao frigorífico até um máximo de cinco dias. Se congelar, não deixe ultrapassar as duas semanas. Se incluir em receitas, divida porções por cuvetes, preencha com água e leve ao congelador, até um mês. Retire e aplique na receita.

– Se gosta de utilizar as ervas frescas, pode conservá-las por vários dias, se as lavar e guardar em pé num copo com água suficiente para chegar às hastes. Deverão ser cobertas com um saco de plástico folgado.

– Só deve juntar salsa aos seus cozinhados quando estiverem quase prontos, pois quando cozida tem um sabor amargo.

– Se gosta de utilizar ervas secas em saladas, experimente regá-las previamente com água a ferver e deixá-las mergulhadas durante um minuto. Depois de escorridas, espalhe-as na salada e aprecie a sua cor e sabor.

– O estragão utiliza-se em pratos de frango, vitela, omeletas, peixes gordos, molho holandês e tártaro, molhos de saladas e na maionese.

– As folhas frescas da hortelã aromatizam sopas e pratos de carne e peixe. Também servem de ornamento de bebidas e de certos doces com frutos.

– O louro utiliza-se em guisados, molhos, patês e em todas as marinadas. Se, para além do sal e da pimenta, costuma temperar os alimentos com folhas de louro, saiba que conseguirá atribuir-lhes muito mais sabor se utilizar louro triturado.

Manjerona: aroma adocicado que pode utilizar em peixes gordos, borrego assado, porco, vitela, frango, pato e perdiz. Também pode utilizar em sopas, guisados, omeletas, pratos de tomates ou de cogumelos.

Orégãos: aroma muito comum na cozinha algarvia e alentejana, utilizado em pratos de carne, sopas, molhos, pizzas e principalmente nas saladas de tomate e pepino.

Salsa: é a mais utilizada das ervas aromáticas na cozinha portuguesa, não só como condimento, mas também como guarnição.

Salva: Aroma forte e levemente amargo. Pode utilizar em pratos de carne, estufados ou guisados.

Tomilho: Erva muito aromática que pode utilizar em peixes gordos, porco assado, vitela, criação, recheios e como condimento de alguns legumes cozidos.

Yummi …

Huuummm … há sites asssim … Food Beam.