Posts Tagged ‘ doces ’

Lady Marmalade

Olá :) Hoje fiquei em casa o dia inteiro (preguicite after-vacation) e decidi fazer marmelada e geléia, com a ajuda da minha avózinha. Seguimos então a receita do blog Para Cozinhar , pois começei a fazê-la sozinha, mas por pura curiosidade era esta exactamente a receita que a minha avó fazia antigamente, exceptuando o pormenor de tapar os fracos com o papel vegetal embebido em aguardente. Assim sendo, aqui fica a receita e o link do site, com excelentes sugestões para os dias mais frios que já se avizinham.

Marmelada

Ingredientes:

1kg de marmelo limpo
1kg de açúcar
1dl de água

Preparação:

Levar os marmelos cortados em pedaços ao lume com o açúcar e a água. Deixar cozer bem. Quando tudo estiver cozido, reduzir a puré com a varinha mágica, de modo a ficar uma mistura homogénea. Deixar ferver mais um pouco até atingir o ponto de estrada.
Deitar em tacinhas e deixar secar com uma tampa de papel vegetal embebida em aguardente.


Colocar todos os caroços dos marmelos num tacho e juntar água.
Deixar esta mistura ferver, o que demora algum tempo, até reduzir bastante. Coar a mistura por uma gaze fininha, e medir o líquido, agora limpo de impurezas.
Por cada litro de líquido, juntar 1kg de açúcar. Levar novamente ao lume a ferver até atingir o ponto desejado, mais ou menos espessa.

Bom Apetite!

{Nordljus}

Huummm … é capaz de ser dos melhores sites sobre cuisine de sempre!

Hhmmmm…..

Bolinhos com aspecto terrivelmente delicioso da Kumquat Cupcakery, com sede em Brooklyn. Impróprio para gulosos incontroláveis … o_0

Via: Oh Joy!

Yummi …

Huuummm … há sites asssim … Food Beam.

Manjar dos Deuses

Bem, já deu para ver que hoje estou numa onda de iogurte e receitas, por isso aqui fica a última. Para quem conhece a Ericeira muito bem, o nome TIK TAK ou TIK TAPAS é familiar. Estes são dois excelentes restaurantes que se localizam mesmo no centro da vila, junto ao largo do Jogo da Bola e servem uma magnífica sobremesa chamada “Manjar dos Deuses”, cuja receita anda há muito a ser investigada por várias pessoas minhas conhecidas, e por mim mesma. A minha mãe já fez inúmeras tentativas infrutíferas, assim como a minha avó e tias … mas, curiosidade das curiosidades, fui eu quem descobriu a receita, e puramente por acaso. Enquanto pesquisava pudins de iogurte! Associei uma coisa à outra e fez-se luz na minha mente, pelo que a parte do leite de côco foi invenção minha; devo adiantar que fica muítissimo semelhante à sobremesa original do Tik Tak, e se não for esta a receita, garanto-vos que caso vos servisse o meu doce no restaurante no lugar do original, não davam pela diferença (falo para conhecedores da especialidade, naturalmente). Assim sendo, experimentem … fica um doce muito agradável, especialmente para o Verão porque consome-se fresquinho e com um fiozinho de caramelo, que lhe dá um toque especial. O doce original do Tik Tak leva ainda uma ameixa em calda regada com caramelo por cima, mas eu não tinha, por isso não pus. Para quem gostar … go ahead ;)

Ingredientes:

  • 1 lata(s) de leite condensado
  • 4 iogurtes naturais
  • 2 pacotes de natas fescas de 200ml
  • 4 ovos
  • 12 folhas de gelatina ou 1 pacote com 2 saquinhos de gelatina neutra em pó da Royal, que equivale às 12 folhas
  • 3/4 de chávena de leite
  • 2 garrafas de creme de côco da Ducôco
  • Caramelo q.b.

Preparação:

Num recipiente deite as natas e mexa-as muito bem;

Em seguide adicione os iogurtes naturais e o leite condensado, batendo logo a seguir; depois deite os ovos e continue a bater; adicione 1 garrafa inteira de creme de leite e mais metade da segunda (claro que se gostar mesmo muuuito de côco pode pôr mais)

Ferva 3/4 de uma chávena de leite com a gelatina em pó lá dentro até tudo se dissolver; em alternativa, caso use as folhas (o que é menos prático e mais trabalhoso) não se esqueça de as demolhar antes; em seguide, adicione o leite com gelatina ao preparado anterior;

Mexa tudo muuuuuito bem, deixe arrefecer e leve ao frigorífico.

Sugestão pessoal: em vez de fazer este pudim numa forma, faça-o em formas pequenas; podem ser mesmo tigelinhas de plástico. Ele desenforma bem, e em quantidades pequenas serve-se melhor e não se parte tanto.

 


Hummm … 

nhami.jpg

… tarte de mirtilos e rolo de geleia, do Gourmet Traveller, um site simplesmente “delicioso

Ninhos de Páscoa

170 Gr de Chocolate Negro raspado

113 Gr de Krispies de arroz, como os cereais

72 mini ovos de chocolate

Formas de papel para queques   

Derreter o chocolate em banho-maria. De seguida, levar o chocolate à fervura, baixar então o lume e deixar o chocolate acabar de derreter. Quando estiver derretido, juntar os Krispies de arroz. 

Mexer esta mistura e deitá-la depois nas formas para queques. Alisar, e fazer um espécie de ninho no centro. Depois, preencher cada ninho com 3 mini ovos de chocolate.  

Voilá

11.jpg