Posts Tagged ‘ massa ’

10 segredos para cozinhar bem massa

Um pouco de técnica é fundamental quando chega o momento de cozinhar massa. Os segredos para pratos fenomenais.


1. Quando se coloca a massa na água a ferver é necessário que o glúten nela contido endureça o mais rapidamente possível. Logo, é necessário que o recipiente seja de tamanho suficiente para permitir uma rápida retomada da fervura.2. É preferível usar sal grosso de cozinha. Este deve colocar-se na água a ferver antes de introduzir a massa.

3. O utensílio para mexer a massa deve ser de pau ou de plástico e nunca de metal. O metal subtrai calor à água, interrompendo a fervura.

4. O fogo deve estar muito forte de início. Uma vez adicionada a massa e a água a ferver, baixa-se um pouco o lume continuando a cozedura moderada.

5. O tempo de cozedura calcula-se desde o momento em que a água retoma de novo a fervura. Para julgar o ponto ideal de cozedura da massa o melhor sistema é prová-la, de quando em vez.

6. Quando cozida a massa, a fervura deve ser de imediato interrompida, vertendo-se na panela um pouco de água fria.

7. Para verificar se a massa seca é de boa qualidade, coloca-se um pouco da água da cozedura num copo e verifica-se a transparência. Quanto mais límpida a água, melhor a massa.

8. A massa seca, depois de cozida, deve possuir uma cor ligeiramente âmbar, não deve ter fendas nem calosidades superficiais e o seu volume deve ter aumentado, no mínimo, para o triplo.

9. Para efectuar uma cozedura que conserva o sabor e as qualidades minerais, enzimáticas e vitamínicas da massa procede-se da seguinte forma: coloca-se na água já temperada de sal e em forte ebulição, a massa. Mexe-se e espera-se que a água levante, de novo, fervura. Conta-se um minuto de cozedura efectiva e apaga-se o lume. Cobre-se a panela com um guardanapo e depois com a sua tampa, aguardando-se o tempo normal de cozedura.

10. Quando feita em casa a massa deve ser confeccionada num ambiente nem demasiado quente, nem demasiado frio.

 

Advertisements

Iogurte

Actualmente, cidadãos do mundo todo buscam, através de uma alimentação adequada, obter saúde, disposição e qualidade de vida. Muitas pessoas ainda não sabem, mas, a ingestão diária de iogurte é um hábito saudável, uma vez que este alimento regula o intestino, fornece minerais, vitaminas, cálcio, fósforo e pode mesmo ter uma influência determinante na longevidade.
Os microorganismos presentes no iogurte também auxiliam na prevenção do crescimento de micróbios patogénicos, responsáveis por algumas das doenças mais comuns na sociedade em que vivemos. Produzido através de uma cultura mista de bactérias que consomem o açúcar para obter energia e eliminam o ácido lático que coalha o leite, o iogurte pode ser consumido frio, gelado, natural ou aromatizado.

 


Iogurte ajuda a emagrecer

De acordo com um estudo publicado no International Journal Of Obesity (Jornal Internacional da Obesidade), incluir iogurte na dieta alimentar emagrece porque acelera os mecanismos de queima de gordura e ainda diminui a barriga ( good news!!! )
Pesquisadores da University of Tennessee descobriram que adultos obesos, alimentados com três porções diárias de iogurte como parte de uma dieta de baixas calorias, perderam 22% mais peso e 61% mais de gordura corporal do que pessoas com dieta de baixas calorias sem iogurte.
Aqueles que consumiram iogurte perderam 81% mais de gordura corporal na área do estômago, facto que contribui na diminuição da barriga.
O estudo acompanhou durante 12 semanas 34 adultos obesos sem problemas de saúde divididos em dois grupos. Ambos ingeriram uma dieta com 500 calorias a menos que o normal para estimular a perda de peso. Um grupo teve incluídos, na dieta diária, 170 gramas de iogurte; enquanto o outro grupo não teve iogurte adicionado à alimentação.
Além de emagrecer, a dieta com iogurte foi quase duas vezes mais eficiente na manutenção da massa muscular magra. Quem ingeriu iogurte emagreceu queimando gordura e não músculos que ajudam na perda de peso.

Pessoalmente, há já algum tempo que sabia disto, e por isso mesmo comprei uma iogurteira; li ainda algures que os benefícios do iogurte natural são imensos, não só a nível de emagrecimento como relativamente a protecção oferecida ao nosso organismo, que se vê reforçado pelas defesas do iogurte natural. Todas as semanas faço 7 iogurtes naturais, e depois consumo-os assim mesmo naturais ou com cereais, ou então com fruta. E sabem que mais? Antigamente eu detestava iogurte natural, sabia-me a qualquer coisa azeda… agora é um momento de prazer :-)

 

 

{gnocchi}

Confissão: adoro a gastronomia italiana. E adoro cozinhar :)  Assim, decidi partilhar convosco este vídeo recém descoberto que mostra uma forma fácil, simples e rápida de fazer gnocchi caseiro, com batatinha cozinha e azeite. Enjoy it ;)

Vodpod videos no longer available. from www.videojug.com posted with vodpod

Advertisements